Quantitativa ou Qualitativa



Considerações sobre NR 10 CANAL INFORMATIVO A legislação para EPI EPIs X Insalubridade Perda da Audição Recuperação Térmica WhatsApp X Justa Causa Plano de Contingência NR 35 Sistemas e Equipamentos Canteiro de Obras NBR X NR Prontuário Elétrico Ruído na Construção Civil O que é LTCAT Procedimentos em Obras Segurança e Sustentabilidade Levante dessa cadeira Seminário Construção Civil Inscrição Abertas NR 35 PMOC O CONSTRUIR - Dez 2014 O CONSTRUIR - Nov 2014 O CONSTRUIR - Out 2014 Profissional de SST Cimento X Insalubridade Responsabilidade X EPI Iluminância de Interiores Levantamento Ambiental LAIA Nível Sonoro em dB A Manutenção Elétrica Arcos Elétricos Gestão Sustentável Nossa FANPAGE Primeiro Emprego do TST Os perigos da solda Auditoria Ambiental Acidente com Amônia O CONSTRUIR - Fev 2015 Boletim da Prevenção Governo combate acidente Fanzendo uma palestra Gases em espaço confinado O CONSTRUIR Abril 2015 Estrutura do PPRA Ag. químicos na construção Avaliação de Calor Dicas de Consultoria Planejando o Treinamento Como organizar SIPAT Perdas na construção civil As regras da consultoria Energias perigosas Assessoria ou Consultoria Qualidade do Ar de Interiores Ruído ambiental e ocupacional Padrão no uso de cabo de aço O trabalho a céu aberto 27 de Novembro Limites de Tolerância LT Quantitativa ou Qualitativa Aerodispersóides Dia da Construção Social Contaminantes no AR Guindaste - MUNCK Plataformas elevatórias Aterramento Temporário Legislação Energia Perigosas Risco Elétrico Risco Arco Elétrico SEP - Método de Trabalho Instalações em obras Bernardes Gestão e Serviços Avaliação de poeiras Erros no Treinamento Proibição do Amianto CANPAT 2017 - 2018 Periodicidade de Calibração

Características das avaliações ambientais

Avaliação qualitativa

O estudo qualitativo é o estudo prévio das condições de trabalho, visando coletar o maior número possível de informações e dados necessários, das
condições relacionadas aos trabalhadores e ambientes, a fim de fixarem-se as diretrizes do levantamento quantitativo.

O reconhecimento qualitativo inclui estudos minuciosos da planta atualizada do local, do fluxograma dos processos, dos agentes presentes, do número de trabalhadores, dos horários de trabalho, das atividades realizadas, das movimentações de trabalhadores e materiais, das matérias-primas, dos equipamentos e processos, dos ritmos de produção, das condições ambientais, do tipo de iluminação e estado das luminárias, da identificação dos riscos e ponto de origem da dispersão, do uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) por parte dos trabalhadores, da existência ou não de Equipamentos de Proteção Coletiva (EPC), do estado em que se encontram os equipamentos, dentre outros. Todo esse levantamento, é necessário para estabelecer a forma correta de proceder ao levantamento quantitativo.

Avaliação quantitativa

Com base na avaliação qualitativa, que deve representar as condições reais nas quais se encontra o ambiente de trabalho (representatividade), dimensionam-se as estratégias de amostragem adequadas que fornecerão informações sobre os diferentes agentes agressivos presentes nos locais, ou seja, a intensidade dos agentes físicos ou a concentração dos agentes químicos existentes no local analisado.

Uma vez realizado o levantamento qualitativo, estão reunidas as condições necessárias para traçar os planos de controle das exposições. A avaliação quantitativa fornece valores para o dimensionamento das medidas de controle que, uma vez adotadas, devem passar por um novo levantamento quantitativo para se verificar a eficácia das medidas implantadas.

Reconhecer e identificar → qualitativo
Medir → quantitativo